Faces do amor

O amor é um pássaro sem asas,
Uma tragédia encantada,
Sentimentos profundos,
Uma hora tudo, outrora nada.

O amor é uma porta aberta,
Uma canção dedicada,
Felicidade num instante mudo,
Amanhã uma memória cantada.

O amor é a tristeza disfarçada,
Uma história delicada,
Talvez uma alegria desgraçada,
Feita de uma verdade inventada.

O amor é o sonho realizado,
Um caminho à sós bem acompanhado,
Mas que quando vai para longe
O coração forte se faz despedaçado.

Anúncios

2 pensamentos sobre “Faces do amor

  1. “O amor é como um precipício: as vezes a gente pensa que esta voando, mas na verdade esta caindo”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s