Amanhecer sem fim

É uma tarde tão linda de sol,
Eu aqui pensando em você,
Meu coração entristeceu,
Meu pesar afundou e escureceu.

Ouvi ressoar som de minha flauta:
Meu agudo renasceu.
Toco para os raios cintilantes
Que me aquecem mais do que você aqueceu.

Vejo a vida verdejante,
Que me faz sorrir até o entardecer.
Parte de mim te quer aqui,
Outra parte te quer ver partir.

Ouço o barulho da maré secante,
Vejo junto minhas lágrimas sem um amante.
Quero ter um amanhecer sem fim,
Para ficar feliz e te esquecer assim.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s