Memórias não falham

As memórias não falham,
As mágoas sempre voltam,
Não há cura pro lado mal do amor,
Não há verdades nestas mentiras!
Não há coragem neste mundo cheio de medos!

Dentro destes olhos
Há um sol imerso na escuridão,
A esperança sempre caindo… caindo…
Caindo num nada
Sempre imperfeito e tão profundo.

As memórias não falham,
As mágoas sempre voltam
Para um lugar onde não quero começar de novo,
Não há verdades nestas mentiras!
Não há amor nesta guerra!

Dentro deste coração
Não há nada que se possa ver,
Não há nada que se possa sentir,
Não há nada que me faça sentir como é estar inteira novamente.

As memórias nunca falham,
Promessas vazias que ninguém esquece,
Sonhos,
Desejos,
Razão,
Que me apagou,
Que me desgarrou da felicidade,
Que me entorpeceu nesta tristeza assim,
Tudo o que eu perdi,
Tudo o que eu afastei,
Tudo o que não pude manter,
Não há verdades nestas mentiras!
Não há começo, nem fim!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s